Ivonete inicia o diálogo sobre parcerias para a TV Câmara
19/01/2017 - 10h27 em Política

 

 

A mesa diretora da Câmara Municipal de Campina Grande, sob o comando da presidente Ivonete Ludgério (PSD), deu início aos diálogos sobre as possíveis parcerias para início da implantação da TV Câmara. Uma reunião foi realizada entre os vereadores e o diretor-presidente da TV Itararé, Dalton Gadelha, na tarde dessa segunda-feira (16). Em seguida, os representantes da CMCG conheceram toda a estrutura da emissora filiada à TV Cultura.

Além da presidente Ivonete, estiveram presentes os vereadores Márcio Melo (1º vice-presidente), Saulo Germano (2º vice-presidente), Sargento Neto (2º secretário) e Lula Cabral, além do coordenador de comunicação da CMCG, Edson de Sousa, e o jornalista e professor da UEPB, Emerson Saraiva. A reunião aconteceu na Facisa. Logo após, aceitando o convite de Dalton Gadelha, a comissão visitou os estúdios da TV Itararé.

“Já conhecia boa parte dessa estrutura. Acho extraordinário, para nós e a cidade de Campina Grande, ter uma TV relativamente nova e com uma estrutura de alto nível como essa”, avaliou Ivonete Ludgério durante a visita. “Espero que nós possamos caminhar para uma parceria e assim, através da TV Itararé, a gente possa mostrar o trabalho que desenvolvemos na Câmara”.

Segundo a presidente, a reunião foi muito positiva, principalmente pela receptividade e demonstração de interesse por parte da direção da TV Itararé. O diretor-presidente da emissora, Dalton Gadelha, confirmou que há um interesse em continuar as discussões no sentido de efetivar a parceria.

“Foi um encontro extremamente positivo e a TV Itararé está de portas abertas. Nós somos um instrumento do povo e entendemos que a atividade parlamentar é extremamente importante, assim como essa ideia é extremamente promissora”, declarou Dalton, lembrando que essa foi apenas a primeira conversa, mas que simpatiza completamente com a proposta.

Além da proposta parceira entre a TV Itararé e a TV Câmara para divulgação e transmissão dos trabalhos legislativos, foram discutidas questões envolvendo programação, produção de conteúdo, possibilidade de terceirização de atividades, entre outros assuntos relacionados ao projeto.

***Conteúdo de responsabilidade da assessoria

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!